Concurso Interconcelhio de Leitura


concurso interconcelhiaDecorreu no passado sábado, dia 10 de junho, em Santa Comba Dão, a final do Concurso Interconcelhio de Leitura. Inspirado no Concurso Nacional de Leitura o evento tem vindo a ser promovido anualmente pelas Redes de Bibliotecas de Carregal do Sal, Mortágua, Santa Comba Dão, Tábua e Tondela desde 2015.

Tendo como objetivo estimular a prática da leitura entre os alunos dos 1º e 2º Ciclos do Ensino Básico, o concurso pretende avaliar a leitura de obras literárias pelos estudantes desses graus de ensino. Tondela fez-se representar por dois alunos do 1º CEB (Escalão 1) Ana Rita Veiga Nascimento e João Lourosa e duas alunas do 2º CEB (Escalão 2), Lara Gama Teles e Laura Matos (efetivas), uma de cada agrupamento de escolas. A apoiar os alunos tivemos as colegas Inês Sousa e Adélia Jesus (suplentes), familiares, amigos e professores.

O concurso abarcou duas provas de leitura expressiva (um texto escolhido pelos concorrentes e outro sorteado) e uma prova de resposta rápida "Mesa de Lâmpadas" em que os concorrentes tinham de responder a um conjunto de perguntas sobre as obras previamente recomendadas para cada ciclo.

Foi notável o empenho e a garra demonstrada pelos nossos concorrentes, apesar de nem sempre a sorte ter estado do seu lado. Estão de parabéns pela participação e consideramo-los desde logo vencedores por serem tão bons leitores.

Autor do Mês

Alice Vieira

ALICE VIEIRA

Alice Vieira (Alice de Jesus Vieira Vassalo Pereira da Fonseca) nasceu em Lisboa a 20 de março de 1943. Frequentou o Liceu D. Filipa de Lencastre. Licenciou-se em Filologia Germânica pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Escritora e jornalista profissional desde 1969, colaborou desde os treze anos no jornal "Diário de Lisboa" (onde juntamente com o seu marido Mário Castrim dirigiu o suplemento "Juvenil" e "Catraio"), no "Diário Popular" e no "Diário de Notícias". Colaborou em várias revistas e programas de televisão para crianças.

É considerada uma das mais importantes escritoras portuguesas de literatura infanto-juvenil,   tendo publicado cerca de  quatro dezenas de livros infantis e vendido perto de um milhão de exemplares.  As suas obras estão traduzidas em várias línguas, como o alemão, o búlgaro, o espanhol, o galego, o catalão, o francês, o húngaro, o holandês, o russo, o italiano, o chinês, o servo-croata e o coreano. É também autora de contos, romances, crónicas e poesia para adultos.

Consulte mais informação AQUI.