O Som dos Livros - O Rapaz do Pijama às Riscas

IMG 5903A Martinha, a Andreia, o Filipe e a Carlota são quatro amigos que esta semana nos prepararam uma edição d’O Som dos Livros sobre o Holocausto.

Alunos da turma do 8ºD da Escola Secundária de Tondela, estes amigos escolheram o livro “O Rapaz do Pijama às Riscas”, uma obra escrita por John Boyne, enquadrada no Plano Nacional de Leitura.

IMG 5901Trata-se de uma história de inocência de duas crianças num mundo de ignorância. Ao regressar da escola um dia, Bruno constata que as suas coisas estão a ser empacotadas. O seu pai tinha sido promovido no trabalho e toda a família tem de deixar a luxuosa casa onde vivia e mudar-se para outra cidade, onde Bruno não encontra ninguém com quem brincar nem nada para fazer. Pior do que isso, a nova casa é delimitada por uma vedação de arame que se estende a perder de vista e que o isola das pessoas que ele consegue ver, através da janela, do outro lado da vedação, as quais, curiosamente, usam todas um pijama às riscas. Como Bruno adora fazer explorações, certo dia, desobedecendo às ordens expressas do pai, resolve investigar até onde vai a vedação. É então que encontra um rapazinho mais ou menos da sua idade, vestido com o pijama às riscas que ele já tinha observado, e que em breve se torna o seu melhor amigo…

O programa é semanal e vai para o ar:

Rádio Emissora das Beiras - Todas as quartas-feiras pelas 09h20 e sábados pelas 12h30,  em 91.2 FM e em www.emissoradasbeiras.pt

Rádio Miúdos - Todas as sextas e domingos, às 10h e às 19h, em www.radiomiudos.pt

Poderá também escutar todas as rubricas, em podcast, aqui:

botao ouvir agora

DESTAQUE

Alice Vieira

ALICE VIEIRA

Alice Vieira (Alice de Jesus Vieira Vassalo Pereira da Fonseca) nasceu em Lisboa a 20 de março de 1943. Frequentou o Liceu D. Filipa de Lencastre. Licenciou-se em Filologia Germânica pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Escritora e jornalista profissional desde 1969, colaborou desde os treze anos no jornal "Diário de Lisboa" (onde juntamente com o seu marido Mário Castrim dirigiu o suplemento "Juvenil" e "Catraio"), no "Diário Popular" e no "Diário de Notícias". Colaborou em várias revistas e programas de televisão para crianças.

É considerada uma das mais importantes escritoras portuguesas de literatura infanto-juvenil,   tendo publicado cerca de  quatro dezenas de livros infantis e vendido perto de um milhão de exemplares.  As suas obras estão traduzidas em várias línguas, como o alemão, o búlgaro, o espanhol, o galego, o catalão, o francês, o húngaro, o holandês, o russo, o italiano, o chinês, o servo-croata e o coreano. É também autora de contos, romances, crónicas e poesia para adultos.

Consulte mais informação AQUI.