Hora do conto “A árvore generosa” na biblioteca municipal

“A árvore generosa”, uma história escrita e ilustrada por Shel Silverstein (1930-1999), é um livro que nos faz refletir sobre a importância da amizade e nos lembra a necessidade de proteger as árvores, as florestas e o meio ambiente.

Assinalando o início da primavera e o dia mundial da árvore comemorados a 21 de março, no dia 19 de março, as crianças do 1º ciclo poderão ouvir contar esta história de amizade e de amor pela natureza na Biblioteca Municipal, às 10h30 e às 14h30.

Cada sessão da Hora do Conto terá a duração aproximada de sessenta minutos.

A atividade destina-se a turmas do 1º ciclo e consiste na apresentação do livro seguida de um trabalho com os alunos. A inscrição das turmas na Hora do Conto deverá ser feita pelo telefone 232-811111 ou pelo e-mail: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. .

Prémio Jovem Revelação - poesia

O Prémio Jovem Revelação, instituído em 2006 pelo Município de Tondela, decorre no âmbito das actividades da Rede de Bibliotecas de Tondela. Este concurso tem como objectivo incentivar o gosto pela leitura e pela escrita de poesia dos alunos das escolas do Concelho de Tondela. Visa revelar novos valores literários e premiar a criatividade dos estudantes do Concelho.

Os trabalhos candidatos deverão ser entregues ou enviados para a Biblioteca Municipal Tomaz Ribeiro até ao dia 30 de Abril de 2012.

A entrega dos prémios será feita em sessão pública a realizar no dia 10 de Junho.

 

Consulte aqui o regulamento do concurso

Jogos Florais do Concelho de Tondela

O Prémio Jogos Florais do Concelho de Tondela, instituído pelo Município de Tondela em 2005, decorre no âmbito das actividades do Pelouro de Cultura, através da Biblioteca Municipal Tomaz Ribeiro. Este concurso é aberto a todos os interessados e tem como objectivo incentivar o gosto pela leitura e pela escrita de poesia em Língua Portuguesa. Visa revelar novos valores literários e premiar a criatividade. Os trabalhos candidatos ao prémio Jogos Florais deverão ser entregues ou enviados para a Biblioteca Municipal Tomaz Ribeiro até ao dia 30 de Abril de 2012. A entrega dos prémios será feita em sessão pública a realizar no dia 10 de Junho.

Consulte aqui o regulamento do concurso.

Exposição Máscaras do Mundo

A Exposição Máscaras do Mundo decorreu de 17 a 28 de fevereiro na biblioteca da Escola EB2,3 do Caramulo. Partiu da iniciativa da equipa da BE e teve como objetivo relevar as diferentes comemorações do Carnaval no mundo. Estas máscaras pertencem a particulares que as guardam como recordações (algumas de paragens distantes!) e que as emprestaram para constituir esta exposição.

Teatro de Fantoches na Biblioteca Municipal

A Biblioteca Municipal Tomás Ribeiro levou a efeito o seu teatro de fantoches, intitulado “A formiga horripilante”.Durante 8 dias, de 6 a 15 de Fevereiro, 15 sessões de teatro para os mais pequeninos foram soberbamente interpretadas pelos serviços educativos da biblioteca municipal. Inspirada no livro “A formiga horripilante” de Liz Pichon, a iniciativa teve como principal objectivo estreitar a ligação das crianças mais pequenas à biblioteca e aos amplos espaços de convívio com os livros, proporcionar-lhes momentos de boa disposição, descontração, mas ao mesmo tempo de convívio e sociabilização. 

Depois de assistirem ao teatro de fantoches, as crianças puderam dar largas à sua imaginação recriando com o recurso a diversos materiais didácticos postos à disposição pela biblioteca uma “formiga horripilante”.
Participaram nestas actividades 393 crianças de 25 salas/jardins-de-infância dos Agrupamentos de Tondela, Campo de Besteiros e Caramulo.

Pág. 94 de 96

Autor do Mês

Alice Vieira

ALICE VIEIRA

Alice Vieira (Alice de Jesus Vieira Vassalo Pereira da Fonseca) nasceu em Lisboa a 20 de março de 1943. Frequentou o Liceu D. Filipa de Lencastre. Licenciou-se em Filologia Germânica pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa. Escritora e jornalista profissional desde 1969, colaborou desde os treze anos no jornal "Diário de Lisboa" (onde juntamente com o seu marido Mário Castrim dirigiu o suplemento "Juvenil" e "Catraio"), no "Diário Popular" e no "Diário de Notícias". Colaborou em várias revistas e programas de televisão para crianças.

É considerada uma das mais importantes escritoras portuguesas de literatura infanto-juvenil,   tendo publicado cerca de  quatro dezenas de livros infantis e vendido perto de um milhão de exemplares.  As suas obras estão traduzidas em várias línguas, como o alemão, o búlgaro, o espanhol, o galego, o catalão, o francês, o húngaro, o holandês, o russo, o italiano, o chinês, o servo-croata e o coreano. É também autora de contos, romances, crónicas e poesia para adultos.

Consulte mais informação AQUI.